Curiosidades sobre o Seven Dwarfs Mine Train:

Filed in: Magic Kingdom, New Fantasyland
  • O Seven Dwarfs Mine Train, na Enchanted Forest da New Fantasyland (Magic Kingdom), é uma montanha-russa inspirada no clássico “Branca de Neve e os Sete Anões” que leva os visitantes do Walt Disney World à famosa mina dos sete anões, com diamantes brilhantes, rubis e outras pedras preciosas, onde os sete anões cantam felizes enquanto trabalham.
  • Localizada no meio da New Fantasyland, o Seven Dwarfs Mine Train proporciona um visual incrível de todos os ângulos aos visitantes que embarcam na agitada montanha-russa para toda a família.
  • As pegadas grandes e pequenas das criaturas da floresta  e as impressões dos gravetos, pedras e nozes são incorporadas nas trilhas de terra na Enchanted Forest, em direção à atração.
  • O chalé dos anões é uma meticulosa representação detalhada da aconchegante casa vista no clássico filme, coberta de trepadeiras e com a casa dos passarinhos na porta de entrada.
  • Na primeira estação interativa na fila da atração, o Mestre explica o jogo de lavagem das pedras preciosas. Conforme as pedras vão caindo dentro de uma calha de madeira ou numa comporta, os visitantes devem colocar as pedras numa bandeja ao lado da comporta, combinando as pedras por cores e formatos.  A comporta possui cerca de 4 metros de comprimento e é acessível por todos os lados.
  • Na terceira estação interativa na fila há uma referência à cena do filme onde o Dunga abre o cofre e atira um saco de pedras preciosas nele, trancando-o com uma chave. Por segurança, Dunga pendura a chave do cofre num pino próximo à porta. Uma chave fica pendurada também num pino próximo à porta de entrada do cofre na fila da atração.
  • Os personagens Zangado, Mestre, Dengoso, Soneca e Feliz, vistos no chalé próximos do final da atração, originalmente apareciam no  Snow White’s Scary Adventure, uma atração do Magic Kingdom que agora é o local do Princess Fairytale Hall. Os personagens da Branca de Nove, Dunga e Atchim, na cena do chalé, foram criados para essa atração.
  • Os dois abutres posicionados na grua fixa próxima a entrada da mina são estilizados de acordo com os abutres do filme, os quais, originalmente, apareciam na atração  Snow White’s Scary Adventure.
  • Os carrinhos foram projetados para fazer referência aos veículos similares que aparecem no filme, feitos a mão pelos anões, modelados por um machado e utilizados para puxar rochas e pedras preciosas. Tiras de metal feitas a mão e pregos são usados para segurar a madeira.  No filme, os carrinhos da mina são acoplados a um cesto que permite ser tombado para descarregar seu conteúdo.  Aqui, o design do cesto permite que o carrinho balance para frente e para trás conforme vai levando os visitantes ao longo do caminho sinuoso.
  • O inovador e patenteado sistema de passeio do Seven Dwarfs Mine Train é um projeto original desenvolvido pelo Walt Disney Imagineering. Ele apresenta quatro trens projetados para balançar independentemente, lado a lado, conforme se movem ao longo do percurso.  Esse novo projeto patenteado fornece uma exclusive experiência de passeio.
  • Próximo à estação de trabalho do Mestre, o relógio gravado em madeira é uma réplica do relógio visto no filme com a figura de dois mineiros martelando uma bigorna.  Como no filme, o gesto sinaliza o início da querida canção “Heigh-ho”.
  • Na estação de lavagem das pedras preciosas, uma melodia do clássico filme pode ser criada movendo-se de torneira em torneira. Há 12 torneiras, correspondendo às notas da escala musical.
  • As joias vistas por toda a mina aparecem em quatro diferentes tamanhos e seis cores diferentes: vermelho, verde, âmbar, roxo, azul e transparente.
  • As sombras dos anões marchando em direção à casa ao longo do percurso, presentes no elevador dentro da mina, foram rotoscopiadas da cena original do filme, onde os anões cruzam a ponte marchando e cantando “…eu vou, eu vou, pra casa agora eu vou”.  (Rotoscopia é uma técnica onde os movimentos originais de uma figura real ou de um trecho animado de um filme são copiados, ou traçados, plano a plano).
  • No topo do segundo elevador, os visitantes têm um breve momento para apreciar a inspiradora visão que cruza a Fantasyland até a casa da Bela, o Castelo da Fera acima do Be Our Guest Restaurant e muito mais. A trilha cai precipitadamente, passando por baixo de uma armação e circulando num looping por entre a montanha, cruzando a mesma armação. O veículo ganha velocidade conforme vai se inclinando pela montanha, girando e virando, com seus carrinhos balançando para frente e para trás.  Ao pé da montanha, o carrinho faz um circuito de volta para cruzar o lago na parte inferior de uma cachoeira.
  • No conto original dos Irmãos Grimm, os anões não foram nomeados.  Quando Walt Disney e sua equipe de animadores decidiram nomeá-los de acordo com a personalidade de cada um, uma lista de nomes foi rejeitada, incluindo: Wheezy, Jumpy, Baldy, Hickey, Sniffy, Stuffy, Burpy, Tubby, Shorty, Deafy e Dizzy.
  • Na última visão do chalé, próximo ao canto da parede mais distante, a Rainha Má pode ser vista em seu disfarce de bruxa velha, observando a Branca de Neve e os anões por meio de uma janela do chalé. Ela vira em direção ao trem quando ele passa e gargalha maldosamente.

    ###